Agentes de Pastoral de Comunicação


A Escola de Comunicação da Universidade Católica de Pelotas, juntamente com o Setor de Comunicação da Diocese de Pelotas, instituiu em agosto de 1999, um curso para a Formação de Agentes da Pastoral da Comunicação. A responsabilidade ficou a cargo do professor Manoel Jesus Soares da Silva, tendo o apoio da Diocese, através do padre Silfredo Hansen e do jornalista Charles Ricardo Echer.

Sua Quinta edição, a partir de agosto de 2001, acontece no Campus II da Universidade Católica de Pelotas, em quatro etapas: aos sábados, das 14 às 20h, e domingos, das 8 às 12h, totalizando 40horas.

 

O objetivo geral: Proporcionar elementos teórico-práticos para agentes da Pastoral da Comunicação em vista de melhoramento da comunicação nas paróquias, pastorais e movimentos eclesiais.

 

Objetivos específicos:

1.  Construir práticas de comunicação na comunidade e através dos meios rádio, impresso e vídeo, pela  análise de práticas existentes, de oficinas e da iluminação teórico-técnica sobre o processo de comunicação e do conhecimento das características e linguagem dos diversos meios.

2.  Oferecer elementos sobre Pastoral da Comunicação, sua organização e sobre  relação da Comunicação com Evangelização.

3.  Contribuir para uma comunicação mais orgânica na paróquia e na Diocese, através de Plano de Pastoral da Comunicação.

Conteúdos

1ª ETAPA:

Elementos teóricos:

-   Comunicação: processo, meios, tipos. – Prof. Cilon Diaz Rodrigues

-   Técnicas de descontração – Prof. Manoel Jesus

-   Comunicação em Rádio: entrevista, noticiário, mensagem, redação de texto radiofônico, formatos, scripts e edição. – Prof. Jorge Malhão

Análise de Práticas:

Analise, em grupos, de programas gravados previamente: das paróquias da cidade de Pelotas (Universidade), Chamados a Servir (Pelotense), Vocações (Universidade), Caminhos da Igreja (Universidade) e outras. – Padre Silfredo Hansen

Oficinas:

Cada grupo fazer programa de 8 minutos: redação, formatação, edição, com discussão grupal das produções. – jornalista Charles Ricardo Echer

Tarefa em casa:

Produzir (mesmo que o apresentador seja outro) e gravar programa da paróquia, pastoral ou movimento de no mínimo 10 minutos e trazê-lo para a 2ª etapa.

 

2ª ETAPA

Elementos teóricos:

-   Comunicação e comunidade – Prof. Cilon Diaz Rodriguez

-   Comunicação e Agências de Notícias – Padre Silfredo Hansen

-   Comunicação impressa: características, linguagem, gêneros (notícia, entrevista, mensagem), redação jornalística, formatação e edição. – Prof. Manoel Jesus

Análise de práticas:

Análise, em grupos, de Boletins produzidos pelas paróquias, pastorais, Diocese – Padre Silfredo Hansen

Oficinas:

-    Redigir, diagramar e editorar, em grupos, boletim, e discutir as produções em grupo – Prof. Manoel Jesus

Tarefa em casa:

Produzir boletim e trazer para a 3ª etapa.

 

3ª ETAPA

Elementos teóricos:

-   Comunicação no ambiente da Comunidade – professora Cristina Russo

Técnicas de Oratória e Postura – professora Margareth Michel

-   Vídeo – Professor Antônio Eberle

Análise:

Programas religiosos, Rede Vida, TV Criativa... – Padre Silfredo Hansen

Oficina:

-   Texto para Vídeo

-   Uso e manejo de câmara

-   Produção de imagens (aplicar técnicas aprendidas): publicitário José Luís Oliveira Alves

 

4ª ETAPA

Elementos teóricos:

-   Revisando texto – Prof. Manoel Jesus

-   Anúncios institucionais – professora Márcia Marangon Brod

-   Fotografia – professor Carlos Recuero

Análise:

A relação fonte e meios de comunicação – Jornalista Gilvan Quevedo e radialista Sílvia Primeiro.

 

Público:

Pessoas que produzem boletins, folhetos, murais, programas de rádio ou exercem outra atividade de comunicação nas paróquias, pastorais e movimentos, ou que desejam preparar-se para colaborar na área da comunicação.