Aula 6 - Princípios do Marketing 2 - 21 de março

Autoria: Jonas Kasper

http://www.coladaweb.com/marketing/principios-de-marketing

 

5.2. Público Alvo - Exemplo 1 (Cigarro) - Um  dos exemplos  mais claras são as propagandas de cigarros, pois todas são feitas por  pessoas jovens e bonitas que praticam esporte, que estão namorando ou por artistas jovens e famosos que possuam  muitos fãs entre outras características.

No caso do cigarro fica claro identificar que o publico alvo  seriam os jovens por que  para os fabricantes é interessante que os jovens venham a fumar o mais cedo possível, pois como sabemos o cigarro vicia e ao viciar um jovem ele terá um cliente que irá  envelhecer e continuara sendo cliente por muito tempo. Então para os empresários não é interessante que a estratégia de marketing tenha como público alvo os velhos, pois os mesmos teriam mais capacidade de analisar do que de serem influenciados e seriam clientes por menos tempo.

5.3. Público Alvo - Exemplo 2 (Redbull) - Outro exemplo é a bebida energética redbull que  tem como público alvo os jovens. Se notarmos a campanha de marketing para a venda do redbull  tem as seguintes características.

Animação - em forma de desenho.

Falas – São utilizadas gírias e textos voltados para chamar a  atenção dos jovens.

Slogan - "redbull te dá asas" que lembra ao jovem liberdade, disposição.

Características da bebida - Bebida energética.

Como vimos, as características acima demonstram que a bebida em questão em como público alvo também os jovens.

 5.4. Pesquisa Público Alvo Redbull - Foi realizada pelos integrantes do grupo uma pesquisa em relação ao público alvo do redbull como mostra os gráficos abaixo. Na pesquisa foram entrevistadas 50 pessoas,  sendo 25 maiores  de 37 anos e 25 pessoas menores ou iguais a 37 anos.

A pergunta foi a seguinte: "quando você ouve falar em redbull, qual a frase principal que vem a sua cabeça".  Dos 50 entrevistados a maioria das pessoas maiores de 37 anos não lembraram  da frase  ou não sabiam o que era redbull. Quando esta mesma pergunta foi feita  aos menores ou iguais a 37 anos, a maioria dos entrevistados lembrou da frase principal "redbull te dá asas" e lembrou de mais de uma propaganda do produto.

Em cima desta pequena pesquisa podemos constatar que o produto citado tem características que se voltam mais para os jovens do que para os experientes e comprova que a campanha publicitária atingiu o público alvo do produto.

 

6.0. Identificação das novas tendências - Isto significa que o marketing tem que acompanhar  as tendências de mercado, fazendo análises estatística sobre a renda do clientes no futuro, suas necessidades, o custo do produto no futuro, adequações do produto para o futuro, qual o publico mais interessante para o seu produto hoje, como atingir o publico alvo em mercados nacionais e internacionais. 

6.1. Novas tendências / mercado - Um exemplo claro são as fabricas de celulares, que devido ao avanço da tecnologia tem que mudar a características do produto para acompanhar as novas tendências e necessidades do cliente. Deste modo os fabricantes conseguem se manter no mercado e divulgar as inovações em seus produtos.

 

 

7. Publicidade

7.1. Campanhas de Marketing - São planejamentos relacionados às características dos produtos  e características do publico  alvo  de modo que possam mostrar vantagens do seu produto ou serviço para o publico que  para os autores do planejamento   são clientes em potencial.

As campanhas de marketing têm importância fundamental, pois irão atingir o futuro cliente  e se a mesma for feita em cima de dados coletados de forma errada pode ser planejada de maneira a atingir um publico alvo errado ou demonstrar características erradas do produto podendo atingir as vendas que são os pontos principais das empresas.

7.2. Propaganda, Promoção de Vendas e Relações Públicas - As grandes ferramentas de promoção em massa são propaganda, promoção de vendas e relações públicas. São ferramentas do marketing de massa que se contrapõem à venda pessoal, que tem como alvo compradores específicos.

A propaganda – o uso de mídia paga por um vendedor para informar, persuadir e lembrar sobre o seu produto ou organização – é uma forte ferramenta de promoção. Os profissionais de Marketing norte-americanos gastam mais de 131 bilhões de dólares por ano com propaganda, que tem muitas formas e muitos usos. Diferentes organizações lidam com a propaganda de formas diferentes. Nas empresas pequenas, elas ficam a cargo do departamento de vendas.

As empresas grandes criam departamentos de propaganda, cujas tarefas são definir orçamentos, trabalhar com as agências de propaganda e cuidar da propaganda de mala direta, dos displays dos distribuidores e de outras formas de propaganda não realizadas pela agência. Quase todas as grandes empresas usam agências externas de propaganda porque elas oferecem várias vantagens. A decisão de propaganda é um processo que consiste em cinco etapas: objetivos, orçamento, mensagem, mídia e, finalmente, avaliação dos resultados.

Os anunciantes devem estabelecer objetivos claros que determinem se a propaganda deve informar, persuadir ou relembrar aos compradores. Esses objetivos devem basear-se em decisões anteriores sobre o mercado-alvo, posicionamento e mix de marketing. O objetivo de propaganda é uma tarefa específica de comunicação a ser realizada para um público-alvo específico durante um determinado período. Vejamos na tabela abaixo, exemplos de cada um dos objetivos da propaganda.

 

Informar
Informar o mercado sobre um novo produto
Sugerir novos usos para um produto
Informar o mercado sobre mudança de preço
Explicar como o produto   
Descrever os serviços disponíveis
Corrigir falsas impressões
Reduzir os temores dos compradores
Construir uma imagem da empresa


Persuadir
Criar preferência de marca
Estimular a troca de marca
Mudar as percepções do comprador sobre os atributos do produto   
Persuadir os compradores a comprarem logo
Persuadir os compradores a receberem uma visita de venda.

Lembrar
Lembrar os compradores de que o produto pode ser necessário no futuro próximo
Lembrar os compradores onde comprar o produto   
Manter o produto lembrado pelos compradores durante a baixa estação
Manter o máximo de conscientização do produto