A flecha e o espelho


O momento em que o espelho

reflete a flecha,

é o momento da dor,

o momento do fim.

 

E, dor das dores,

ao se partir em

dezenas, centenas, milhares

de partes,

a imagem do algoz

também se reproduz.

 

Entre a flecha e o espelho,

resta um momento

de perplexidade:

a se causar a dor,

há uma parte de

quem a provoca,

que acaba morrendo também.